Sábado, 24 de Agosto de 2019

13/8/2019 - Piracicaba - SP

Karatê: Piracicabano é prata nos Jogos Pan-Americanos




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Piracicaba

O karateca piracicabano Hernani Veríssimo é medalha de prata nos Jogos Pan-Americanos 2019. A conquista aconteceu neste domingo (11), no Pabellón Polideportivo Villa El Salvador, em Lima, no Peru. Representante do Brasil na categoria -75 kg, o lutador fez cinco lutas no evento para chegar ao vice-campeonato. É a segunda edição consecutiva do Pan que a equipe Sport Way/Piracicaba/Selam vai ao pódio: em 2015, nos Jogos de Toronto, a atleta Natalia Brozulatto foi ouro na categoria -68 kg.

Na primeira fase, Hernani estreou com derrota para o americano Thomas Scott, por 4×1, mas se recuperou no grupo com um triunfo pelo placar de 2×0 sobre o colombiano Juan Landazuri (2×0). Na terceira luta, o piracicabano não tomou conhecimento do peruano José Valdivia: 7×0. Na semifinal, uma virada espetacular sobre Allan Maldonado, da Guatemala. Após sair perdendo por 2×0, Hernani foi agressivo e inteligente para fazer 4×2 contra o guatemalteco. Na decisão, o adversário mais uma vez foi Scott, que acabou vencendo por 2×1.

karate_hernani

SUPERAÇÃO

A conquista de Hernani tem ainda mais peso devido às lesões que o atleta sofreu nos últimos dois anos, quando enfrentou problemas no ombro direito e duas rupturas no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo. Em Lima, o piracicabano entrou no tatame com aval médico e foi para o ‘sacríficio’ sem estar 100% recuperado. “O Hernani é um atleta diferenciado, nós sempre podemos esperar coisas boas dele”, afirmou Diego Spigolon, técnico de Hernani e treinador da seleção brasileira feminina.

A medalha de prata no Peru é a extensão de um ciclo vencedor que teve início em 2016. Em maio daquele ano, Hernani conquistou no Rio de Janeiro o título do Campeonato Pan-Americano, logo na primeira competição internacional que disputou pela seleção brasileira adulta, derrotando na decisão o norte-americano Tom Scott, então líder do ranking mundial. O bicampeonato viria no ano seguinte, após a vitória sobre o colombiano Juan Landazuri em Curaçao, no Caribe. Em 2017, Hernani também faturou o bronze nos Jogos Mundiais, na Polônia. Na última temporada, o lutador se tornaria tricampeão sul-americano em Guayaquil, no Equador.

* Com informações de Léo Moniz/Lider Esportes

Fonte: Selam



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Piracicaba Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.